Como conseguir um emprego depois de fazer um MBA

prepare_for_post-mba_career

Com a competição por uma vaga em empresas líderes cada vez mais acirrada, como profissionais que estão se formando em um curso de MBA podem se destacar em meio a tantas pessoas?

Estudantes em um programa de MBA muitas vezes veem esse diploma como uma forma de mudar de carreira, no entanto muitos deles também já possuem uma ideia certa do que pretender fazer. Seán Meehan, reitor da IMD na Suíça, diz que candidatos devem pensar sobre quais são as áreas que os interessam e depois utilizar sua rede de contatos para conhecer pessoas que trabalham em empresas no setor ou setores relevantes. “Procure informações sobre como é realmente ter uma carreira na indústria em que tem interesse”, afirma Meehan.

Qual é o momento certo para começar a sua busca?

A temporada de recrutamento normalmente se inicia no começo do ano, com muitas empresas entrando em contato com possíveis candidatos no verão que antecede o início das aulas. Jonas Jafari começou a se preparar para aplicar para oportunidades de emprego no Google em maio de 2016, conversando com um ex-aluno do curso de MBA da IMD, que ele só começou em janeiro de 2017, e o ajudou a completar o rigoroso processo de inscrição.

“Ele também agiu como meu mentor, me dando dicas e feedback com relação ao meu currículo”, disse Jafari, que irá começar no Google em janeiro de 2018 como gerente de vendas online.

Começar com antecedência pode ajudar estudantes de MBA a acharem boas oportunidade antes da maioria. Nos Estados Unidos, eventos como a MBA Women’s Leadership Conference e feiras de recrutamento como a organizada pelo Consortium for Graduate Study in Management, são ótimas formas de conhecer recrutadores. Algumas empresas como McKinsey & Company também organizam eventos individuais pré-MBA que permitem que estudantes possam saber mais sobre como seria o dia a dia trabalhando naquela empresa.

No entanto, alguns especialista em carreira alertam que os estudantes não devem se apressar e tomar uma decisão mal informada. “É muito bom já começar seu MBA com uma oferta na mão, podendo se focar na experiência acadêmica, mas para aqueles que ainda estão incertos sobre quais são seus interesses, essa pressão para achar rapidamente um trabalho pode adicionar ainda mais stress a situação”, diz Sheryle Dirks, reitora para gerenciamento de careira da Duke University’s Fuqua School of Business.

Departamentos de carreira se voltam para novas tecnologias

O início adiantado das temporadas de recrutamento fizeram com que as escolas de negócios mudassem a forma com que oferecem suporte para os alunos. Muitas estão utilizando tecnologias que podem ser acessadas pelos estudantes antes mesmo do início das aulas.

Um exemplo é o VMock, uma plataforma para currículos que utiliza machine learning, análise preditiva e técnicas de inteligência artificial para ajudar estudantes de MBA a escreverem currículos melhores. O algoritmo do VMock compara os CVs dos alunos com outros em sua base de dados, determinando uma pontuação para ele e sugerindo possíveis melhoras, como correções gramaticais.

De acordo com Julie Papp, diretora senior de MBA, educação profissional e conselheira da MIT Sloan School of Management, enquanto o VMock ajuda os estudantes disponibilizando um feedback com relação ao formato, uso de palavras e apresentação geral do seu currículo, ele não deve substituir uma conversa mais profunda com um mentor ou orientador de carreira.

A MIT Sloan oferece um conjunto de programas e serviços de carreira para seus alunos de MBA, incluindo grandes workshops em grupo, revisão de currículo e carta de apresentação, testes de entrevistas e sessões individuais de aconselhamento de carreira.

O poder de um estágio

Nas escolas americanas, que tem como maioria os cursos de dois anos de duração, um estágio de verão acaba muitas vezes sendo a porta de entrada para um trabalho em tempo integral. “Hoje em dia, muitas empresas somente recrutam estudantes no primeiro ano de cursos de MBA e depois escolhem suas contratações permanentes dentre esse grupo de estagiários”, diz Jeff McNish, diretor do Career Development Center na University of Virginia’s Darden School of Business.

Ele diz que um estágio, que normalmente dura entre 6 e 10 semanas, é uma ótima oportunidade para que os empregadores vejam as habilidades e capacidade dos estudantes, e também para que os estudantes fiquem mais confortáveis e entendam melhor o negócio de seu possível futuro emprego. “Um estágio leva a mais satisfação e produtividade, já que os estagiários contratados apresentam uma maior compatibilidade com a empresa.”

O estudante de MBA Mike Burke irá começar um emprego como gerente de marca na  Proctor & Gamble depois de finalizar um estágio na empresa durante o último verão. Para se preparar, ele entrou em contato com ex-alunos que trabalharam na empresa e recebeu dicas de alunos de MBA no segundo ano do curso na Darden School of Business, que o ajudaram a se preparar e treinar para as entrevistas.

Enquanto fazia o estágio, Burke continuou a pedir conselhos de outros ex-alunos de MBA na empresa, que ofereceram feedback com relação a apresentações importantes que ele teve que fazer.

Quando o assunto é conseguir uma oferta de trabalho, Lisa Umenyiora, diretora de carreira na Imperial College Business School em Londres, diz que os candidatos devem demonstrar a seus futuros empregadores que ele podem pensar fora da caixa. “Quando conversamos com empregadores, eles dizem que dão muito valor a profissionais que podem pensar com criatividade e que tem ideias e soluções inovadoras”, diz Lisa. No entanto é preciso sempre ter em mente, que mesmo que os estudantes de MBA sempre sejam muito valorizados pelas empresas, sem a preparação adequada e com uma certa antecedência, a tão desejada oferta de emprego pode ficar só na teoria.

Se você também tem interesse em fazer um MBA e abrir ainda mais possibilidade em sua carreira, não deixe de participar de um de nossos eventos que trarão algumas das melhores escolas de negócios internacionais para São Paulo e Rio de Janeiro. Além disso, nos evento Connect MBA, você poderá agendar entrevistas individuais de 30 min com os diretores de admissão!

Garanta a sua vaga hoje gratuitamente:

QS Connect MBA

Rio de Janeiro

Data: 3 de fevereiro de 2018
Local: Hilton Copabacana – Av. Atlântica, 1020
Inscreva-se aqui

São Paulo

Data: 5 de fevereiro de 2018
Local: Hotel InterContinental – Alameda Santos, 1123
Inscreva-se aqui

QS World MBA Tour 

São Paulo

Data: 6 de fevereiro de 2018
Local: Hotel InterContinental – Alameda Santos, 1123
Inscreva-se aqui

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s