Em que países do mundo os professores são respeitados? Brasileiros não querem filhos professores

Devido aos acontecimentos vergonhosos no Paraná ontem, onde o governador Roberto Richa mandou sua polícia dispersar os professores manifestantes a tiro de borracha, jato de água e muita violência, resolvemos relembrar uma das mais importantes pesquisas acerca do tema: “O status global dos professores – Global teacher Status”.

O relatório publicado em 2013 pela Varkey GEMS Foundation, uma organização que busca melhorar a educação para crianças de países pobres e que tem o suporte do grupo educacional GEMS, resolveu comparar os diferentes níveis de respeitabilidade alcançadas pelos professores em cada país.

Ironia: os professores dos colégios militares fazem preparam a força armada do país, e contribuem para uma educação de qualidade destas insituições.

Ironia: os professores dos colégios militares fazem preparam a força armada do país, e contribuem para uma educação de qualidade destas insituições.

Foram 21 países estudados. A China, de longe, foi o país onde mais o professor é respeitado, recebendo o status de quase um médico. Em compensação, o Brasil fica na outra ponta e, embora as pessoas confiem no trabalho destes profissionais, acreditam que o professor receba muito pouco respeito de nossa sociedade.

Tanto é verdade que de todos os países, o Brasil é um dos que menos os pais querem ver seus filhos professores!!!!

ISTO SIGNIFICA QUE, EMBORA VOCÊ DEIXE SEU FILHO A MAIOR PARTE DO DIA NAS MÃOS DE UM PROFESSOR, VALORIZA MUITO POUCO A PROFISSÃO!

E este respeito, obviamente, passa tanto pelos salários, como pela forma de tratamento dos estudantes em sala de aula. É óbVio que não é apenas no Brasil que os professores não recebem o mesmo “status”de um médico. Mas o Brasil está no fim da lista e, para um país que “investe tanto em Educação”(alegadamente), deveríamos ter índices melhores – não?

Pesquisa do Respeito aos Professores

A pesquisa da Varkey GEMS foi realizada com 1000 representantes dos seguintes países: Brasil, China, República Tcheca, Egito, Finlandia. França, Alemanha, Grécia, Israel, Itália, Japão, Holanda, Nova Zelândia, Portugal, Turquia, Singapura, Coréia do Sul, Espanha, Suíça, Reino Unido e Estados Unidos. Tais países foram escolhidos devido a suas performances nos exames dos estudantes PISA e TIMMs, coordenados pela Organização para Cooperação e Desenvolvimento, representando assim seus continentes e diferentes sistemas educacionais.

Muitos pontos foram questionados aos professores: as expectivas de suas carreiras, a qualidade de suas formações, o quão acreditam ser respeitados, o quanto a sociedade confia na profissão.

Seguem aqui 10 pontos da pesquisa:

1. O Brasil é um dos países cujos professores são menos “respeitados”.
Apenas Israel fica em pior posição. Mesmo o Egito e a Grécia valoriza mais seus professores. Estamos em um nível de 2.4 em uma escala de 100.

Brasil fica entre os piores índices de status...

Brasil fica entre os piores índices de status…

2. Menos de 5% dos pais brasileiros iria incentivar seus filhos a serem professores
Os pais na China, Coréia do Sul, Turquia e Egito são os que mais encorajariam seus filhos a tornarem-se professores. Já os pais israelenses, portugueses, brasileiros e japoneses são os que menos querem ver seus filhos professores. No Brasil, inclusive, os pais são os que mais “definitvamente desencorajariam”seus filhos a tornarem-se professores.

Pais brasileiros não querem que filhos sejam professores

Pais brasileiros não querem que filhos sejam professores

3. Brasil é o país em que menos os estudantes respeitam os professores, de acordo com os entrevistados
Talvez por isso muitos dos pais não queiram ver seus filhos professores… A maior parte dos respondentes acreditam que os estudantes não respeitam seus professores de jeito nenhum. Em compensação, na China, 75% dos adultos responderam que suas crianças respeitam os professores!

Entrevistados cr6eem que os estudantes não valorizam/respeitam seus professores (resultado também foi o mesmo em países europeus)

Entrevistados cr6eem que os estudantes não valorizam/respeitam seus professores (resultado também foi o mesmo em países europeus)

Brasil é o país em que o professor precisaria de maior aumento para ter um salário justo
As pessoas tiveram que responder quanto acreditavam ser o salário dos professores em seu país e o quanto acham que seria justo. Então a pesquisa comparou-os com o salário atual. O Brasil é um dos países em que o salário do professor é menor em 20% do que as pessoas pensavam. Também é o país em que mais acredita-se que o professor deveria ter um aumento… e grande!

Salário justo demandaria um aumento grande!! E há sempre os governos que acham que professores são baderneiros reivindicando nada!!!!

Salário justo demandaria um aumento grande!! E há sempre os governos que acham que professores são baderneiros reivindicando nada!!!!

Na maior parte dos países, pessoas acreditam que os professores deveriam ser pagos de acordo com a performace de seus alunos
No Egito, 90% dos entrevistados acreditam que professores deveriam ser pagos de acordo com os seus resultados. No Brasil, China, Israel e Nova Zelândia, 80% pensam o mesmo. Já na Suíça, apenas 15% acreditam que os professores valem apenas de acordo com seus resultados.

A maior parte dos países acredita que os professores deveriam ser pagos de acordo com seus resultados, embora no Brasil as pessoas confiem mais no resultado dos professores do que do sistema...

A maior parte dos países acredita que os professores deveriam ser pagos de acordo com seus resultados, embora no Brasil as pessoas confiem mais no resultado dos professores do que do sistema…

6. Apesar de tudo, Brasil é o país que mais confia em seus professores
Nenhum país mostrou um índice de confiança menor que 50%, o que significa que a profissão é de extrema confiança. Mas é no Brasil que as pessoas acreditam que o trabalho de professor é de extrema confiança

As pessoas acreditam em professores. Só não acreditam no sistema educacional, do governo... Por que será?

As pessoas acreditam em professores. Só não acreditam no sistema educacional, do governo… Por que será?

 7. O problema, para os brasileiros, é o sistema educacional
O Brasil coloca grande confiança em seus professores, mas desacredita completamente o sistema educacional. Tal avaliação do sistema educacional, para os brasileiros, é também o grande motivo pelo qual nossos alunos tem performance inferior aos outros quanto aos índices da educação

O sistema educacional é ruim, a performace de nossos alunos é péssima...

O sistema educacional é ruim, a performace de nossos alunos é péssima…

Conclusão
O Brasil teve um dos menores índices de “status/respeitabilidade” da profissão professor, ficando abaixo da média. Também acreditam que os alunos não respeitam a profissão e que o sistema educacional do país é ruim. Apesar disso, confiam em seus professores, individualmente, como provedores de uma educação.

Tais resultados indicam claramente porquê 47% dos brasileiros não querem que seus filhos se tornem professores. O índice de respeito/status é, obviamente, relacionado claramente aos baixos salários dos professores.

Devemos agora começar a somar a tudo isto o desrespeito e a violência à qual a profissão professor está submetida…

Anúncios

Um comentário sobre “Em que países do mundo os professores são respeitados? Brasileiros não querem filhos professores

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s