Dinamarca é o terceiro melhor local para estudar na Europa

Este texto foi escrito originalmente por Tiina Niemi, para o Study Portals e republicado no Top Universities

A Capital da Dinamarca, Copenhague, é uma das listadas na pesquisa de satisfação dos estudantes, mas é a Universidade de Arhus a que mais se destaca.

A Capital da Dinamarca, Copenhague, é uma das listadas na pesquisa de satisfação dos estudantes, mas é a Universidade de Arhus a que mais se destaca.

Situada no caminho entre a Europa Ocidental e do Norte, a Dinamarca pode até ser um país pequeno, mas é um destino bastante procurado por aqueles que estudam fora. Isto porque 5 das 8 universidades dinamarquesas estão entre as 400 melhores do mundo, de acordo com o nosso ranking QS World University 2014/2015.

As mensalidades na Dinamarca são gratuitas para estudantes da Comunidade Europeia e não tão caras para quem é de fora, embora o custo de vida no país seja alto. A maior parte dos cursos são em dinamarquês, especialmente na graduação, mas você pode encontrar uma boa seleção de programas em inglês ou alemão.

O que os estudantes pensam

De acordo com o ranking “International Student Satisfaction Awards 2014”, do portal StudyPortal’s, a Dinamarca é o terceiro melhor local da Europa para se estudar, atrás apenas de seus vizinhos nórdicos Finlândia e Suécia. O ranking é baseado na opinião de 7000 estudantes, que classificaram sua experiência em estudar na Europa em diferentes países, através do maior database de experiências estudantis internacionais, o STeXX.eu.

Baseado no comentário de 287 estudantes, a Dinamarca recebeu uma pontuação final de 9,1 dentre 10. Comparado ao ano de 2013, o nível de satisfação dos estudantes que estão estudando na Dinamarca cresceu consideravelmente (8,9 previamente). O ranking de satisfação dos estudantes fornece informações importantes sobre os padrões educacionais, além de um panorama das impressões dos estudantes internacionais a respeito das universidades mundiais.

As mais “queridas” universidades da Dinamarca

A universidade de Arhus conseguiu nota de 9,5 entre os estudantes internacionais.

A universidade de Arhus conseguiu maior nota entre os estudantes internacionais e a cidade pode ser uma boa opção de vida, já que possui pouco mais de 300 mil habitantes

Seis universidades dinamarquesas foram classificadas no ranking de satisfação estudantil. A Universidade de Aarhus recebeu a mais alta avaliação, sendo considerada “excepcionalmente satisfatória”, com uma média de 9,5, a mais alta nota obtida dentre as universidades do país.

As outras instituições que receberam a avaliação de “excelente” foram a Copenhagen Business School, a Technical University of Denmark (DTU) e a VIA University College. Já a Universidade de Copenhague e a Universidade do Sul da Dinamarca receberam avaliação “muito boa” na pesquisa.

O que faz a Dinamarca um dos melhores locais para se estudar na Europa?

A Dinamarca apresenta programas de alta qualidade e a maioria dos estudantes parece gostar, particularmente, da maneira inovadora do sistema de ensino, que mistura conhecimento teórico com experiências práticas por meio de projetos que requerem pensamento crítico e trabalho em grupo.

Os estudante internacionais apreciam os exercícios práticos e trabalhos em grupo, como na universidade de moda Metropol

Os estudante internacionais apreciam os exercícios práticos e trabalhos em grupo, como na universidade de moda Metropol

Os estudantes também apontaram o nível de independência proporcionado e a opção de escolher suas próprias matérias. Além de laboratórios e bibliotecas bem equipados e um ambiente amigável, os estudantes internacionais pontuaram muito bem a equipe e serviços das universidades do país:

“A universidade conta com grandes professores. Todos eles são muito amigáveis e o programa de ensino é bastante eficiente. As instalações da universidade são muito modernas e incentivam o uso de novas tecnologias como ferramenta auxiliar nas sala de aula”, declara um estudante da Polônia.

“Ótimos professores com excelente método de ensino. Boa organização e aulas com atividades divertidas. Aprendemos muito com isso. Você nunca fica com medo de um professor ou de uma apresentação em sala de aula – professores e estudantes estão no mesmo nível”, conta um estudante da Áustria.

Multiculturalismo e experiências de vida   

36% da população de Copenhague usa a bicicleta como meio de transporte, o que para um estudante é excelente, devido ao baixo custo de transporte.

36% da população de Copenhague usa a bicicleta como meio de transporte, o que para um estudante é excelente, devido ao baixo custo de transporte.

Outros resultados positivos das universidades dinamarquesas foram atribuídos pela experiência multicultural, com estudantes vindos de toda parte do mundo e professores de fala inglesa. Muitas avaliações ressaltaram a experiência de viver em uma cidade dinamarquesa, especialmente em Copenhague, que mistura prédios históricos e arquitetura moderna. Os destaques foram a grande variedade de atrações sociais, culturais e históricas:

“Tive a oportunidade de experimentar muitas coisas diferentes, desde comidas e andar de bicicleta todos os dias até tentar falar o dinamarquês, que é dificil mas divertido. A universidade ajuda bastante e os professores e estudantes falam inglês perfeito, então nunca me senti perdido. Além disso, a vida social é fantástica, com muito a se fazer. Eu estava sempre me divertindo”, afirma um estudante do Reino Unido.

“Há uma grande mistura de pessoas de diversos países do mundo, então há a oportunidade de conhecer muitas culturas”, segundo um estudante da Polônia.

Os desafios para quem quer estudar na Dinamarca: inverno e altos custos

Como em qualquer país nórdico, aqueles que optam por estudar na Dinamarca devem se adaptar ao frio e aos altos custos de vida. Entretanto, as dificuldades são compensadas pela alta qualidade de vida e o grande senso de comunidade entre os dinamarqueses.

Pessoas aproveitam para esquiar na praça de Copenhague

Pessoas aproveitam para esquiar na praça de Copenhague

Muitos estudantes consideram os dinamarqueses muito reservados, mas logo descobrem pessoas amigáveis e dispostas a ajudar, sempre abertas a conversar.

Enquanto as cidades pequenas da Dinamarca não apresentam muitas atrações, Copenhague e outras cidades nórdicas são de fácil acesso, graças a um sistema de transporte eficiente. Alguns estudantes podem achar difícil de se adaptar a um sistema de ensino informal e você precisará de uma boa dose de disciplina.

No mais, aproveite para saber mais opiniões dos estudantes no país, através do Study Portal.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s